terça-feira, 19 de abril de 2016

Consórcio de Constantino assume toda a Baixada Santista e Bilhetagem Eletrônica vai mudar

Novo cartão pode ser providenciado a partir de maio

onibus
Ônibus da Piracicabana. Operações serão exclusivas
Passageiros dos serviços de transportes metropolitanos da Baixada Santista devem providenciar a partir do dia 17 de maio um novo cartão para bilhetagem eletrônica.
Trata-se do BR Card, do Consórcio BR Mobilidade, liderado por Constantino de Oliveira, que reúne a Viação Piracicabana Ltda. e Comporte Participações S.A.
Em junho, o consórcio assume a operação de todas as linhas metropolitanas da Baixada Santista, incluindo os serviços intermunicipais de ônibus e o VLT – Veículo Leve sobre Trilhos, entre Santos e São Vicente, já de responsabilidade do grupo.
“A partir do dia 19/06/2016, ou seja, daqui a dois meses aproximadamente, a operação pelo Consórcio entra em vigor e os cartões das empresas Breda, Translitoral, Bertioga e Intersul não serão mais aceitos no sistema metropolitano. Assim, é importante que os usuários destas linhas intermunicipais e as empresas que concedem o vale transporte para os seus empregados façam a aquisição da quantidade de créditos suficientes até 18/6/2016, um dia antes da mudança.” – explica a EMTU – Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos, em nota.
As informações para solicitar os novos cartões serão divulgadas posteriormente no site www.brmobilidadebs.com.br
O consórcio lderado pela família de Constantino vai ser responsável sozinho por uma estrutura que hoje conta com 66 linhas de ônibus intermunicipais, que são operadas por 530 ônibus, e o sistema de Veículo Leve sobre Trilhos. Somente na modalidade Vale-Transporte, a movimentação de créditos hoje é de aproximadamente R$ 3 milhões por dia.

Fonte: por: Adamo Bazani, jornalista especializado em transportes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, Reclamações, Elogios, Comentários e Perguntas