quarta-feira, 21 de setembro de 2016

EMTU comenta sobre retirada de cobradores dos ônibus

EMTU se pronunciou pelo Twitter a respeito da retirada de cobradores de algumas linhas intermunicipais, algo que, segundo a empresa, vem ocorrendo desde 2008, moas que tem sido notado com mais expressividade pelos usuários nos últimos meses. 

 Imagem: Camila Rodolph


A resposta foi enviada por meio de uma Mensagem Direta a um usuário

MOBILIDADECOTIA e (@paulinholiver31), que gentilmente encaminhou 

para o nosso perfil no microblog (@linhasrmsp). Por ser algo de interesse

 publico, trago aqui para vocês. Confiram:




Em texto:

"Olá, nas áreas da RMSP, do total de 507 linhas comuns e frota de 3.872

veículos,há 89 serviços em operação com frota 
de 527 veículos sem a presença de cobrador,
em caráter experimental, a partir de 2008 com
finalização da implantação da bilhetagem 
eletrônica. Alguns mantêm o cobrador nos 
horários de pico com motorista exercendo
cobrança somente nos horários
intermediários, quando a maior parte dos
embarques é acumulada nos terminais iniciais
e o índice de renovação de passageiros
durante o percurso é baixo. Para permitir a
operação experimental sem a presença
do cobrador são observados critérios técnicos,
 dentre os quais destacamos: dos passageiros
 transportados,a linha não poderá ter números 
superiores a 40% de pagantes em dinheiro, 
além de apresentar baixo índice de renovação
 de usuários durante o percurso da viagem. 
O nosso Centro de Gestão e Supervisão monitora todas as ocorrências
 operacionais e não há qualquer registro de acidente motivado pela ausência 
de cobrador."


Fonte: LinhasRMSP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, Reclamações, Elogios, Comentários e Perguntas