sexta-feira, 28 de outubro de 2016

BRASIL: Comissão da Câmara aprova “anjo da guarda” para ônibus em todo o país

Projeto de lei ainda deve passar por outras duas comissões antes de ir para o Senado Federal

Em diversos sistemas, os ônibus ainda circulam sem o dispositivo de segurança e andam com as portas abertas. Tecnicamente, é possível instalar em modelos mais antigos
Em diversos sistemas, os ônibus ainda circulam sem o dispositivo de segurança e andam com as portas abertas. 
Tecnicamente, é possível instalar em modelos mais antigos

Popularmente chamado pelo setor de transportes de “anjo da guarda”, os dispositivos que impedem a partida dos ônibus com as portas abertas não são obrigatórios em todo o país.
Apenas as cidades ou estados podem fazer a exigência nos editais de licitação, o que nem sempre acontece.
Mas o projeto de lei 2889/2015, do deputado Augusto Coutinho, quer tornar obrigatória a instalação do dispositivo em todos os sistemas de ônibus no país, municipais, suburbanos ou metropolitanos.
Já com parecer favorável dado pela Comissão de Desenvolvimento Urbano, em agosto, o projeto recebeu aprovação nesta semana da Comissão de Desenvolvimento Econômico.
Além de deixar os transportes mais seguros, a comissão acredita que a obrigação em todo país do dispositivo também poderia criar uma escala de mercado, reduzindo os preços e tornando dispositivo interessante para fabricantes nacionais.
A proposta ainda terá de passar pelas comissões de Viação e Transportes; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.
O caráter da análise é conclusivo, ou seja, não será necessário o debate no plenário.
Se passar pelas duas comissões que restam, o projeto seguirá para o Senado e, finalmente, para o Executivo.
Fonte: ,por: Adamo Bazani, jornalista, especializado em transporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, Reclamações, Elogios, Comentários e Perguntas