sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Feriado de 15 de novembro: 725 mil passageiros devem passar pelos terminais rodoviários de São Paulo

Previsão é da empresa administradora Socicam que vai fazer esquema especial de operação

651308-empresas-de-onibus-que-operam-no-terminal-rodoviario-do-tiete-2
No último feriado prolongado do ano, a movimentação deve ser grande nos principais terminais rodoviários em todo país e, com as rodoviárias de São Paulo, a situação não será diferente.
A Socicam, empresa que administra os Terminais Tietê, Barra Funda e Jabaquara estima que entre esta sexta, 11 de novembro, e quarta, 16 de novembro, passem pelas rodoviárias 725 mil passageiros. Somente entre sexta e sábado devem deixar a capital e a Grande São Paulo pelos três terminais, 125 mil pessoas.
As empresas de ônibus colocaram veículos extras para atender a demanda.
No entanto, o passageiro se possível deve se antecipar a compra dos bilhetes nos guichês ou pela internet e chegar, no mínimo, uma hora antes do embarque.
A segurança também deve ser outra preocupação dos passageiros.
A Socicam afirma que montou um esquema especial reforçando o quadro de funcionários nas áreas de operação, limpeza, manutenção e segurança.
Os destinos mais procurados são: Florianópolis, Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Curitiba, Interior e Litoral de São Paulo.
Em nota, a empresa lista uma série de recomendações para o embarque ser tranquilo:
– adquirir a passagem de forma antecipada;
– chegar ao terminal uma hora antes do embarque;
– identificar as bagagens;
– não descuidar das crianças;
– trazer documentos de todos os passageiros (inclusive das crianças);
– se necessário, procurar um funcionário devidamente identificado; ou ainda, dirigir-se ao balcão de informações para o esclarecimento de eventuais dúvidas.
– Crianças menores de doze anos (munidos de documento de identificação) podem viajar acompanhadas dos pais, responsáveis legais, irmãos com mais de 18 anos, avós ou tios de primeiro grau, caso contrário, precisam de autorização escrita, assinada pelo pai, mãe ou responsável, com firma reconhecida em cartório.
Fonte: ,por: Adamo Bazani, jornalista, especializado em transporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, Reclamações, Elogios, Comentários e Perguntas