sexta-feira, 18 de maio de 2018

CONSUMIDOR: CorreiosBR superam 33 mil reclamações nos primeiros meses de 2018

Atraso na entrega, qualidade do serviço e entrega no endereço errado são principais motivos

ReclameAQUI
O serviço dos Correios está dando muita dor de cabeça aos consumidores nos últimos anos e, consequentemente, gerando milhares de reclamações. Só nos quatro primeiros meses de 2018, os Correios atingiram 33.041 queixas, um crescimento de 167% em relação a 2017 e quase três vezes mais em relação a 2016.
De janeiro de 2016 a abril de 2018, foram registradas 107,2 mil queixas e, analisados os dois primeiros bimestres de cada ano, o aumento do volume alcançou 181%.
"Estou fazendo esta reclamação através deste canal porque não sei a quem mais recorrer, pois tenho encomendas com mais de 5 meses em andamento e ainda não as recebo. Estão com muito atraso, já abri duas manifestações diretamente no site dos Correios, já perdi a conta de quantas vezes tentei falar pelo telefone e não sou atendido", relatou um consumidor de São Paulo.
No mês de março de 2018, quando foram registradas 10.181 reclamações, o volume superou a média mensal de todo período analisado na pesquisa. 

Top 5 motivos de queixas

Dos cinco principais motivos de queixas entre janeiro de 2016 a abril de 2018, em primeiro lugar, disparado com 70% dos casos, aparece atraso nas entregas. Em seguida estão qualidade no serviço prestado (4,7%), entrega em endereço errado (2,7%), endereço não encontrado (2,5%) e status de entrega não atualiza (2,4%). 
Se precisar, ReclameAQUI!

Fonte: ReclameAQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sugestão, Reclamações, Elogios, Comentários e Perguntas