sexta-feira, 3 de julho de 2020

COTIA: Linha municipal 131 - TERMINAL COTIA x JD. ROSIMARY, NÂO voltou a operar, mas empresa garantiu voltar

Viação Raposo Tavares respondeu 2: 

Olá! Galerinha.

Venhamos informar que a linha 131 - TERMINAL COTIA x JD. ROSIMARY , iria voltar 01/07/2020 conforme informamos vejam:
COTIA: Linha municipal 131 - TERMINAL COTIA x JD. ROSIMARY, voltará a operar novamente
Mas a empresa Viação Raposo Tavares não cumpriu.
Em Novas tratativas entre os dias 01/02 e 03 a empresa novamente o  blog #MOBILIDADECOTIA, entrou em contato com a secretaria de Trânsito e Transportes municipal e com a empresa Viação Raposo Tavares (Grupo Vida) , após verificarmos que a empresa não cumpriu a  palavra dada de voltar a operações no dia 01/01/2020,
Após esses contatos a empresa Intervias Raposo Tavares, nos informou hoje em novo contato  03/07/2020 que as operações irão voltar a partir do dia 06/07/2020, com horários alternados . Respondeu também que pelos os motivos da baixa demanda devido a pandemia paralisou os serviços prestados da linha 131.Agora nos deu uma nova data para voltar com horários alternados.

 Segue abaixo as novas tratativas encaminhada aos orgãos e a empresa: 
Boa tarde Conforme resposta da empresa Viação Raposo Tavares a linha municipal 131 deveria voltar às operações no dia 01/07/2020 ,o que não aconteceu.
Neste momento estou solicitando novamente Vossas Atenção e Providências para que a linha volte .

Estando ciente assim aguardo resposta quanto as providências..Encaminhada em: 02/07/2020.

Resposta da Empresa Viação Raposo Tavares: 

Boa tarde!
Primeiramente, agradecemos a oportunidade de lhe prestar devido atendimento.Esclarecemos que a Viação Raposo Tavares  LTDA já tem conhecimento da sua manifestação, e apurou que a linha 131 que foi informada que iria voltar a operar 01/07/2020, por hora não ira volta operar por enquanto peço desculpa aconteceu algum equivoco quando te informaram da data , desculpa novamente, assim que estiver a data correta irei avisar
Atenciosamente
Serviço de Atendimento ao Cliente
Viação Raposo Tavares LTDA.
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>


Replica> MOBILIDADE COTIA












 Por qual motivo não irá voltar?.




Resposta> Sac Vraposotavares
Boa tarde!
Primeiramente, agradecemos a oportunidade de lhe prestar devido atendimento.
Esclarecemos que a Viação Raposo Tavares  LTDA já tem conhecimento da sua manifestação, e apurou que por enquanto um dos motivos de não volta é porque não esta tendo aula, mas possivelmente ira volta em agosto, ou se volta tudo ao normal a linha voltara antes. agradeço pela compreenção e tenha um otimo dia.

Replica> MOBILIDADE COTIA




Boa tarde
Entendendo a situação, venhamos dialogar para que a empresa não venha deixar os trabalhadores e passageiros desta linha na mão.
Sugerimos a circulação da linha 131 nos horários de picos. Na próxima semana .
Manhã das 05:00 as 8:00 hrs com intervalos de 20 a 30 minutos.
Tarde das 15:00 as 20:00 horas seguindo as partidas de 15 horas de 30 em 30 e das 16 passando aos 20 minutos.
Aos sábados de 40 em 40 minutos.
E aos domingos de hora em hora.
Segue assim a sugestão para avaliação desta empresa ,sendo também que a empresa poderá sugerir outra proposta semelhante.
Sendo assim ficaremos no aguardo pra uma resposta quanto a avaliação.

Resposta> Sac Vraposotavares

Boa tarde!
Primeiramente, agradecemos a oportunidade de lhe prestar devido atendimento.Esclarecemos que a Viação Raposo Tavares  LTDA já tem conhecimento da sua manifestação, e apurou que a partir da data 06/07/2020  ira volta com alguns horarios.  

Sendo assim aguardemos a continuidade do serviços de transportes coletivos no bairro.

Para consultar Horarios e Itinerários das linhas municipais: 



Sua participação é vital para que possamos conquistar melhorias junto da sociedade.


Por: Carlinhos Aniceto; Blogueiro

terça-feira, 23 de junho de 2020

COTIA: Linha municipal 131 - TERMINAL COTIA x JD. ROSIMARY, voltará a operar novamente

Viação Raposo Tavares respondeu: 

Olá! Galerinha.

Venhamos informar que a linha 131 - TERMINAL COTIA x JD. ROSIMARY , após interrompida as operações por mais de duas semanas.
O blog #MOBILIDADECOTIA, entrou em contato com a secretaria de Trânsito e Transportes municipal e com a empresa Intervias Raposo Tavares (Grupo Vida) , após muitas reclamações de passageiros que ficaram sem o transporte coletivo no bairro.
Após esses contatos a empresa Intervias Raposo Tavares, nos informou hoje em 23/06/2020 que as operações irão voltar ao normal a partir do dia 01/07/2020, embora não nos tenha informado o motivos da paralisação dos serviços prestados, nos respondeu.

 Segue abaixo a solicitação encaminhada aos orgãos e a empresa: 
Olá venho por meio desta saber o porquê a linha 131 Jd Rosimeire Atalaia deixou de operar no bairro.
Uma vez que a prestação de serviço de transporte coletivo municipais e de concessão publica privada sendo dever da Operadora Viação Raposo Tavares Executar o serviço tendo em vista que os moradores depende desta linha para ir e vim trabalhar e ir para o Centro de Cotia, Médico,e seus afazeres diários.
Lembramos que poderemos Acionar o MPCotia para apuração desta retirada .
Sendo assim aguardo resposta quanto as providências.Encaminhada em: 18/06/2020.

Resposta da Empresa Viação Raposo Tavares: 

Bom dia,

Primeiramente, agradecemos a oportunidade de lhe prestar devido atendimento.

Informamos que vamos voltar a operar a partir do dia 01/07/2020.
Estamos sempre à sua disposição,


Atenciosamente
Serviço de Atendimento ao Cliente
Viação Raposo Tavares LTDA.

Sendo assim aguardemos a continuidade do serviços de transportes coletivos no bairro.
E agradecemos a atenção da empresa que por mais uma vez nos atendeu e nos deu uma resposta. 

 Para consultar Horarios e Itinerários das linhas municipais acesse o link abaixo: 

COTIA: Horários e Itinerários do transporte municipais


Sua participação é vital para que possamos conquistar melhorias junto da sociedade.


Por: Carlinhos Aniceto; Blogueiro




sábado, 20 de junho de 2020

PREVIDÊNCIA SOCIAL: INSS prorroga atendimento nas agências até 10 de julho


INSS prorroga atendimento remoto até 10 de julho


RETORNO GRADUAL
Segurados podem acessar serviços e pedir benefícios pelo Meu INSS e telefone 135

MOBILIDADECOTIA: ITAPEVI: Em breve agência do INSS contará com os ...O atendimento remoto aos segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) foi prorrogado até o dia 10 de julho. A portaria que normatiza a prorrogação será publicada no Diário Oficial da União (DOU) da próxima segunda-feira (22).
A portaria a ser publicada prevê o retorno gradual do atendimento presencial nas agências no dia 13 de julho. O documento detalhará ainda diretrizes e protocolos que precisam ser implementados pelo INSS para que o segurado seja atendido com segurança e conforto nas unidades.
As medidas visam a proteção da coletividade durante o período de enfrentamento da emergência em saúde pública decorrente da pandemia do coronavírus (COVID-19).
Com a reabertura gradual, serão priorizados, nesta primeira fase, serviços de perícia médica, avaliação social, cumprimento de exigência, justificação administrativa e reabilitação profissional. O retorno destes serviços visa dar celeridade aos processos, uma vez que precisam essencialmente do atendimento presencial.
Atendimento agendado
Vale destacar que, para qualquer um destes serviços, o segurado deve realizar o agendamento pelo Meu INSS (gov.br/meuinss, site e aplicativo) ou pelo telefone 135.
Segurados sem agendamento não serão atendidos nas agências, para evitar aglomerações, conforme determinações do Ministério da Saúde.
Demais serviços
Os serviços que não estarão disponíveis de forma presencial neste primeiro momento, continuam pelos canais remotos, o Meu INSS (gov.br/meu inss, site e aplicativo) e telefone 135. Além disso, o regime de plantão para tirar dúvidas continua enquanto o atendimento presencial não for totalmente retomado, a fim de continuar prestando serviço de qualidade aos cidadãos que têm dúvidas em relação a serviços e benefício.
Meu INSS
Se você tem alguma dúvida de como acessar o Meu INSS (site e aplicativo), agora tem todas as informações disponíveis sobre o serviço em um único lugar. Para saber como gerar sua senha, além de aprender a solicitar serviços e benefícios, basta acessar https://www.inss.gov.br/servicos-do-inss/meu-inss/ para conhecer conteúdos didáticos e explicativos que ajudarão a ter acesso ao INSS sem sair de casa.
O Meu INSS foi criado para proporcionar mais facilidade, conforto e segurança ao cidadão que busca por serviços e benefícios previdenciários ou assistenciais. Pode ser acessado pela internet do seu computador ou pelo seu próprio telefone celular (Android e IOS). Estão disponíveis mais de 90 serviços oferecidos pelo INSS.
https://www.inss.gov.br/inss-prorroga-atendimento-remoto-ate-10-de-julho/


Fonte: INSS 

sexta-feira, 22 de maio de 2020

Prazo prorrogado agências do INSS só poderá abrir após 19 de junho

Portaria prorroga atendimento remoto nas agências do INSS até 19 de junho

Fique atento

MOBILIDADECOTIA: ITAPEVI: Em breve agência do INSS contará com os ...Segurados podem acessar serviços e pedir benefícios pelo portal Meu INSS e telefone 135
Foi publicada nesta sexta-feira (22), no Diário Oficial da União (DOU), Portaria Conjunta n° 17 prorrogando até o dia 19 de junho o atendimento remoto, nas agências da Previdência Social, aos segurados e beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A medida visa a proteção da coletividade durante o período de enfrentamento da emergência em saúde pública decorrente da pandemia do coronavírus (covid-19).
Durante esse período, os casos que dependem de perícia médica serão analisados sem a perícia presencial, bastando que o segurado anexe o atestado médico pelo portal ou aplicativo Meu INSS. O Instituto vai antecipar parte do valor do benefício devido ao segurado de forma remota.
Meu INSS
Se você tem alguma dúvida de como acessar o Meu INSS (site e aplicativo), agora tem todas as informações disponíveis sobre o serviço em um único lugar. Para saber como gerar sua senha, além de aprender a solicitar serviços e benefícios, basta acessar https://www.inss.gov.br/servicos-do-inss/meu-inss/ para conhecer conteúdos didáticos e explicativos que ajudarão a ter acesso ao INSS sem sair de casa.
O Meu INSS foi criado para proporcionar mais facilidade, conforto e segurança ao cidadão que busca por serviços e benefícios previdenciários ou assistenciais. Pode ser acessado pela internet do seu computador ou pelo seu próprio telefone celular (Android e IOS).
Para acessar o Meu INSS basta digitar o endereço gov.br/meuinss no seu computador ou instalar o aplicativo Meu INSS no seu celular gratuitamente. Estão disponíveis mais de 90 serviços oferecidos pelo INSS.
Por: Carlinhos Aniceto; Com informações da Secretaria de Previdência - INSS

sexta-feira, 15 de maio de 2020

Meu INSS apresenta instabilidade

INSS: Sistemas serão restabelecidos ao longo do final de semana Meu INSS

Site e aplicativo


O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) informa que o Meu INSS, site e aplicativo, apresenta instabilidade nas funcionalidades. Com a intermitência, é possível que, ao realizar o acesso, alguns segurados não consigam finalizar requerimentos ou solicitar serviços.
A instabilidade pode afetar, ainda, a anexação de documentos. Contudo, o INSS informa que já trabalha junto à Dataprev para que, ao longo do final de semana, a instabilidade seja resolvida.
Informamos, por fim, que informações, serviços e requerimentos podem ser feitos pelo telefone 135, que funciona de segunda a sábado, de 7h às 22h.

Fonte: Com informações do INSS

sexta-feira, 17 de abril de 2020

PREVIDÊNCIA SOCIAL: Já é possível enviar atestado médico pelo Meu INSS! Veja como

Passo a passo explica todas as etapas do envio pelo site ou aplicativo para celular

Agora o segurado já pode enviar o atestado médico diretamente pelo Meu INSS (computador ou aplicativo para celulares) para ser avaliado pela perícia. A Portaria Conjunta 9.381, que permite o início do procedimento, foi publicada nesta terça-feira (7), no Diário Oficial da União. Entre outras medidas, a Portaria permite também a antecipação no valor de R$1.045 para segurados que solicitarem o auxílio-doença.
Se já usa o aplicativo, basta baixar a atualização que já está disponível. Caso não tenha o App, basta baixar. Disponível para Android e iOS.
Fonte: INSS

Idosos podem receber Cartão BOM Sênior em casa, saiba como solicitar


BOM SÊNIOR


BOM é aprender com os mais experientes.
Nenhuma descrição de foto disponível.

Processo Provisório de Solicitação


As unidades do Poupatempo estão fechadas em razão do coronavírus, mas você pode receber o seu cartão BOM Sênior em casa!  Se você tem entre 60 e 64 anos e deseja usar o transporte coletivo da Região Metropolitana de São Paulo, solicite seu cartão BOM através do e-mail senior@autopass.com.br.

Envie por e-mail uma cópia dos documentos listados abaixo. Você pode tirar uma foto dos documentos com seu celular:
- RG
- CPF
- Foto 3x4
- Comprovante de Residência (água, luz, telefone, gás)
- Foto segurando um documento.

Informe também seus dados pessoais no e-mail:
- Nome completo
- Nome da mãe e do pai
- Endereço completo
- Celular

Para mais detalhes, confira o video por meio do link:

Ou em caso de dúvidas  entre em contato com nossa central de atendimento:

0800 77 11 800

Para Capitais e Regiões Metropolitanas (Telefone Fixo)

(11) 3888-2200

Para Capitas e Regiões Metropolitnas (Celular)

O Cartão BOM Sênior é concedido aos cidadãos com idade igual ou superior a 60 anos, que garante a gratuidade:

  • - Linhas intermunicipais da Região Metropolitana de São Paulo.

  • - Linhas operadas pela Metra no corredor São Mateus/Jabaquara e Diadema/Berrini.

  • - Linhas municipais dos municípios de Arujá, Cotia, Ferraz de Vasconcelos, Ibiúna, Itapecerica da Serra, Mairiporã, Poá, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra, São Caetano, São Roque, Suzano e Taboão da Serra; (Aceitação apenas do Cartão BOM Sênior superior a 65 anos).

  • - Estações do Metrô e CPTM.

Fonte: Cartão BOM-CMT

domingo, 5 de abril de 2020

PREVIDÊNCIA SOCIAL: Calculadora do INSS está de volta: Simulador já está adequado às mudanças da Nova Previdência

Simulador realiza até 7 tipos de cálculos: 2 de Aposentadoria por Idade e 5 de Aposentadoria por Tempo de contribuição

mão com celular na mão aberta no simulador
O serviço “Simular Aposentadoria”, do Meu INSS, já está disponível e adequado às mudanças da Nova Previdência. O simulador traz o cálculo das regras de transição para os segurados que já estavam na Previdência antes das mudanças. E também simula se havia direito adquirido nas regras anteriores que estavam vigentes na data da alteração das regras, em 13 de novembro do ano passado.
No total, o simulador realiza até sete tipos de cálculos: dois de Aposentadoria por Idade e cinco de Aposentadoria por Tempo de contribuição.
Em breve, a calculadora vai valer também para quem se filiou ao INSS (ou seja, ao Regime Geral de Previdência Social) após a data das mudanças, em 13 de novembro de 2019. E futuramente voltará a calcular também quanto vai ser o valor estimado da renda do cidadão ao se aposentar.
Só simulação
Somente após a análise do INSS é que o cidadão saberá se tem mesmo direito à Aposentadoria. Isso pois algumas informações podem ser incluídas ou alteradas durante a simulação. E é por isso que, ao solicitar o benefício, o INSS pode pedir que você envie documentos para comprovação dos períodos trabalhados/contribuídos.
Sem sair de casa
O Meu INSS é acessado pela internet (gov.br/meuinss) ou pelo aplicativo para celulares, nas versões para IOS e Android.
A atualização do simulador foi implantada nesta quinta-feira (2) pela Dataprev. No momento, a ferramenta está disponível no portal do Meu INSS e no sistema Android – que representam 91% dos acessos. Já na versão iOs, a atualização também foi realizada e deverá ficar disponível ao usuário até o final da próxima semana.
O serviço “Simulação de Aposentadorias” aparece já na tela inicial do aplicativo, do lado direito. Mas se ainda não consegue visualizá-lo, sugere-se a atualização do aplicativo ou que aguarde até aparecer atualizado no seu celular.
O cadastro no Meu INSS pode ser feito pelo próprio aplicativo ou pelo site dos seguintes bancos: Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Caixa, Itaú, Mercantil do Brasil, Santander, Sicoob e Sicredi.
Por meio do Meu INSS o cidadão pode pedir aposentadorias, pensões, benefícios assistenciais, atualizar dados cadastrais, bloquear empréstimo consignado, excluir desconto de mensalidades associativas e, em breve, enviar atestado médico para pedidos de auxílio-doença.
Por : Carlinhos Aniceto, com informarções INSS

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

INSS: Novas alíquotas da Previdência


Novas alíquotas de INSS prevêem percentuais progressivos para contribuintes empregados, inclusive os domésticos, e para trabalhadores avulsos.


  •  
  •  
  •  

INSS: Novas alíquotas da Previdência entram em vigor neste domingo
As alíquotas progressivas inseridas pela Nova Previdência entram em vigor em março. No Regime Geral de Previdência Social (RGPS), as novas alíquotas valerão para contribuintes empregados, inclusive para empregados domésticos, e para trabalhadores avulsos.
Não haverá mudança, contudo, para os trabalhadores autônomos (contribuintes individuais), inclusive, prestadores de serviços a empresas e para os segurados facultativos.

Alíquotas progressivas

As alíquotas progressivas incidirão sobre cada faixa de remuneração, de forma semelhante ao cálculo do Imposto de Renda.
Quem recebe um salário mínimo por mês, por exemplo, terá alíquota de 7,5%. Já um trabalhador que ganhe exatamente o teto do Regime Geral – também conhecido como Teto do INSS, atualmente R$ 6.101,06 – pagará uma alíquota efetiva total de 11,69%, resultado da soma das diferentes alíquotas que incidirão sobre cada faixa da remuneração.
Confira as novas alíquotas na tabela abaixo:
Salário-contribuição
Alíquota
Até um Salário Mínimo (R$ 1.045
7,5%
De R$ 1.045,01 a R$ 2.089,60
9%
De R$ 2.089,61 a R$ 3.134,40
12%
De R$ 3.134,41 a R$ 6.101,06
14%


Contribuintes individuais e facultativos

Contribuintes individuais e facultativos continuarão pagando as alíquotas atualmente existentes, cuja alíquota-base é de 20%, para salários de contribuição superiores ao salário mínimo.
Para salários de contribuição igual ao valor do salário mínimo, deverá ser observado:
I – para o contribuinte individual que trabalhe por conta própria, sem relação de trabalho com empresa ou equiparado e o segurado facultativo, o recolhimento poderá ser mediante aplicação de alíquota de 11% sobre o valor do salário mínimo;
II – para o microempreendedor individual e para o segurado facultativo sem renda própria que se dedique exclusivamente ao trabalho doméstico no âmbito de sua residência – desde que pertencente a família de baixa renda inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) – o recolhimento deverá ser feito mediante a aplicação de alíquota de 5% sobre o valor do salário mínimo;
III – o contribuinte individual que presta serviço a empresa ou equiparado terá retido pela empresa o percentual de 11% sobre o valor recebido pelo serviço prestado e estará obrigado a complementar, diretamente, a contribuição até o valor mínimo mensal do salário de contribuição, quando as remunerações recebidas no mês, por serviços prestados a empresas, forem inferiores ao salário mínimo.
Importante destacar que o segurado, inclusive aquele com deficiência, que contribua mediante aplicação das alíquotas de 11% ou 5% e pretenda contar o respectivo tempo de contribuição para fins da aposentadoria por tempo de contribuição transitória ou para contagem recíproca do tempo correspondente em outro regime, deverá complementar a contribuição mensal sobre a diferença entre o percentual pago e o de 20%, com os devidos acréscimos legais.

Individuais e facultativos

Confira quem se enquadra nas categorias para as quais não haverá alteração de alíquota no RGPS:
>> Contribuinte individual – Todos aqueles que trabalham por conta própria (de forma autônoma) ou que prestam serviços de natureza eventual a empresas, sem vínculo empregatício. São considerados contribuintes individuais, dentre outros, os sacerdotes, os diretores que recebem remuneração decorrente de atividade em empresa urbana ou rural, os síndicos remunerados, os motoristas de táxi e de aplicativos, os vendedores ambulantes, as diaristas, os pintores, os eletricistas e os associados de cooperativas de trabalho.
>> Contribuinte facultativo – Todas as pessoas com mais de 16 anos que não possuem renda própria, mas decidem contribuir para a Previdência Social. São exemplos dessa categoria de contribuintes: donas de casa, síndicos de condomínio não-remunerados, desempregados, presidiários não-remunerados e estudantes bolsistas.

RPPS da União

As novas alíquotas valerão também para os servidores públicos vinculados ao Regime Próprio da Previdência Social (RPPS) da União. No RPPS da União, contudo, as alíquotas progressivas não se limitarão ao teto do RGPS, pois haverá novas alíquotas incidindo também sobre as faixas salariais que ultrapassem o teto. A atualização das alíquotas do RPPS foi feita pela Portaria 2.963/2020.
Em relação aos aposentados e pensionistas, a alíquota incidirá sobre o valor da parcela dos proventos e pensões que supere o limite máximo estabelecido para o Regime Geral (R$ 6.101,06) e levará em conta a totalidade do valor do benefício para fins de definição das alíquotas aplicáveis.
As novas alíquotas progressivas – estabelecidas pela Emenda Constitucional nº 103, de 2019 – passam a vigorar a partir de 1º de março de 2020, incidindo cada alíquota separadamente sobre cada faixa salarial, da seguinte forma:
Salário Contribuição
Alíquota
Até um Salário Mínimo (R$ 1.045)
7,5%
De R$ 1.045,01 a R$ 2.089,60
9%
De R$ 2.089,61 a R$ 3.134,40
12%
De R$ 3.134,41 a R$ 6.101,06
14%
De R$ 6.101,07 a R$ 10.448,00
14,5%
De R$ 10.448,01 a R$ 20.896,00
16,5%
De R$ 20.896,01 a R$ 40.747,20
19%
Acima de R$ 40.747,20
22%

Fonte: Com informações Agência Brasil