sexta-feira, 21 de setembro de 2018

O quê Queremos ?.

Porquê queremos:
O quê queremos ?.
Sua cidadania conta, sábia! Manifeste-se

Sua participação é muito importante para melhorias junto da sociedade.
PARTICIPE #MOBILIDADECOTIA 

Por: Carlinhos Aniceto

quinta-feira, 6 de setembro de 2018

São Roque terá tarifa de ônibus mais cara a partir de segunda, dia 10



Foto: Rafeal Barbosa (Portal JE Online)
Baseado no IPCA do período, tarifa passará dos atuais R$3,60 para R$4,20, aumento de 16%
O anúncio foi feito pela prefeitura local.
Com o reajuste, o valor da passagem passará dos atuais R$3,60 para R$4,20, aumento de 16,5%, calculado com base no IPCA do período.
A administração municipal afirma que a atualização tarifária se deu em atendimento a requerimento da Empresa Mirage Transportes, responsável pelo transporte público municipal. O objetivo do reajuste é atender ao equilíbrio econômico-financeiro do contrato de concessão.
Em comunicado, a prefeitura justificou o aumento:
“De acordo com o documento, a revisão se faz necessária para a manutenção dos serviços oferecidos, custeio de pessoal, infraestrutura, conservação da frota e outras. Desde o último reajuste em 2015 houve muita perda inflacionária e aumento excessivo do óleo diesel”.
A Viação São Roque, empresa que operava o transporte local anteriormente, já havia solicitado atualização do valor da tarifa. A prefeitura não concedeu, devido a problemas com a prestação de serviços e falta de investimento na frota.
Após o reajuste, São Roque passa a ter tarifa de ônibus próxima aos valores de outras cidades da região: Araçariguama (R$4,35), Mairinque (R$4,00), Cotia (R$ 4,35) e Ibiúna (R$4.10).
MIRAGE
A empresa Mirage Transportes passou a operar em São Roque há pouco tempo. Ela foi homologada pela prefeitura para assumir o transporte público no dia 23 de junho de 2018, conforme publicação no Diário Oficial do Estado.
A Mirage teve início na década de 1980, em Itapira, São Paulo. Atualmente, a empresa é responsável pelo transporte municipal em Amparo.
Veja matérias recentes sobre da mudança das empresas em São Roque:


Fonte: Diariodotransporte por: Alexandre Pelegi ,  jornalista especializado em transportes

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

COTIA: Centro terá novo ponto de ônibus para desafogar trânsito

Uma boa notícia para quem circula pelo Centro de Cotia e se depara com o trânsito próximo do cemitério, causado pela parada de ônibus e lotações.
O atual ponto de ônibus ao lado do cemitério está com os dias contados. Segundo apurou o Jornal Cotia Agora com a Settrans – Secretaria de Transportes e Trânsito, ainda em 2018 haverá mudança da parada do transporte público para outro local, no início da Rua Leon Psanquevich, onde hoje funciona um estacionamento próximo ao recinto de eventos.
A readequação viária será feita no local e com a ida de ônibus e lotações para a nova baia, haverá maior fluidez do trânsito, que trava em vários horários do dia.
O atual ponto ocupa uma das faixas da Rua Ovídio Passos (aquela paralela ao cemitério) e o abuso de motoristas do transporte alternativo, muitas vezes parando em fila dupla ou demorando na parada, acaba travando o fluxo de veículos.
Esta pode ser a primeira mudança na região central para tentar solucionar os congestionamentos. O ponto do outro lado ao citado acima também já recebeu testes feitos pela Settrans

Mas,  terá que mudar de local em breve, já que o terreno onde estão os abrigos receberá obras de um novo prédio.

sexta-feira, 17 de agosto de 2018

PREVIDÊNCIA SOCIAL- INSS: Segurado deve manter endereço atualizado

Serviço está disponível nos canais remotos

Resultado de imagem para meu inss

Para receber as correspondências oficiais do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), é preciso manter o endereço sempre atualizado junto à instituição. Aposentados e pensionistas podem fazer a atualização de dados através do Portal www.inss.gov.br.
No link Todos os Serviços, o interessado encontrará a opção Atualização de Endereço de Beneficiário. É necessário informar dados como número do benefício, data de nascimento, CEP, nome completo e CPF do beneficiário.
A atualização de endereço de beneficiários também está disponível na Central  135 e no APP do Meu INSS, encontrado nas lojas de aplicativos.
Nova cidade – Ao mudar de cidade, o segurado deve solicitar a transferência do benefício para a nova localidade. Para isso, é necessário agendar o serviço na Agência do INSS mais próxima do novo endereço.
Para obter outras informações ou agendar serviços, o interessado deve ligar para a Central Telefônica 135, de 7h às 22h, de segunda a sábado, ou acessar o Portal www.inss.gov.br.
Fonte: MPS-INSS

SAÚDE: Cartões pré-pagos – será que valem a pena?



Brasileiros que não podem pagar por planos de saúde buscam alternativas para obterem serviços médicos. Entenda se opções compensam para você  
Imagine ficar desempregado e, portanto, sem plano de saúde para você e para a sua família. 
Resultado de imagem para cartão pré pago saude
Como qualquer brasileiro nessa situação, será preciso contar com o sistema público de saúde, que em muitos lugares é ineficiente. 
Pensando nessa grande fatia da população brasileira – mais de 70%, segundo pesquisas - que não têm acesso a um plano de saúde, vêm surgindo, cada vez mais, ofertas de serviços médicos por valores mais atrativos. 
A ideia é atender o consumidor que não tem condições de pagar por um plano de saúde, mas que deseja um melhor e mais rápido atendimento que o oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).
Os cartões pré-pagos são um exemplo desse novo mercado: funcionam de modo semelhante aos já conhecidos cartões pré-pagos de telefonia: você insere um valor e, com o crédito, paga consultas médicas, exames laboratoriais e medicamentos.
O que você não sabe é que esses serviços não são regulamentados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).
Dessa forma, as operadoras têm a liberdade de impor suas próprias regras, como, por exemplo, aumentar ou cancelar o seu contrato, sem a sua permissão.
Outro risco que você corre é o de ter a falsa sensação que o cartão vá garantir atendimento sempre que precisar. 
É importante que o consumidor tenha em mente que se o cartão não estiver devidamente carregado com o saldo necessário, não conseguirá ser atendido.
Neste caso, o barato pode acabar saindo caro, não é mesmo?
Pensando em todos os consumidores que já passaram por essa situação e buscando uma alternativa melhor e mais justa para associados PROTESTE, estamos com uma nova parceria. 
A novidade é baseada em uma plataforma digital, que visa aproximar você dos prestadores de serviços – médicos, dentistas, fisioterapeutas, psicólogos, nutricionistas, laboratórios de análises clínicas, laboratórios de imagem, entre outros – por preços significativamente mais baixos que os costumeiramente praticados por esses mesmos prestadores.
O pagamento só acontece quando você utilizar o serviço e os descontos alcançam até 70% do valor de balcão das clínicas e consultórios, de maneira geral.

Fonte: Proteste - proteste.org.br

sexta-feira, 10 de agosto de 2018

São Roque e Região: Ônibus voltam a circular após às 8h



Os dois terminais de ônibus de Sorocaba amanheceram vazios e fechados por conta da paralisação do setor de transportes em geral, que começou às 0h desta sexta-feira (10) e está prevista para terminar às 8h. 


   



Com isso, muitos sorocabanos que dependem do transporte coletivo para se locomover tiveram que acordar mais cedo e enfrentar o frio da madrugada para chegar ao seu destino.

Foi o caso do vigilante Alex Sandro Ribeiro, 41 anos, que andou cerca de uma hora e meia do bairro Paineiras até o Terminal Santo Antônio para pegar o ônibus fretado da empresa até a cidade de São Roque, onde ele trabalha. Alex disse que geralmente pega o ônibus próximo à casa dele no bairro e vai até o terminal, mas nesta manhã teve que ir a pé por conta da paralisação.

Já a doméstica Sidneia de Barros, 51 anos, chegou ao terminal e ficou surpresa pelo fato do local estar fechado e vazio. Ela disse que não sabia da paralisação e que por causa disso vai chegar atrasada ao trabalho, já que pretende esperar os ônibus voltarem a circular. "Estava muito frio cedo e se eu soubesse que não ia ter ônibus cedo teria ficado dormindo até mais tarde", reclama.

A paralisação afeta as regiões de Sorocaba, São Roque, Itapetininga e Itapeva.
De acordo com o Sindicato dos Rodoviários, os ônibus devem circular a partir das 8h nas 42 cidades da região.
Ainda conforme a entidade, a paralisação organizada pelas centrais sindicais é um protesto contra a reforma trabalhista, aumentos dos preços da gasolina, diesel e gás de cozinha, a exploração do pré-sal por empresas estrangeiras, retirada de direitos e crescimento do desemprego.

A Urbes - Trânsito e Transportes criou uma Equipe de Alerta que está atuando em regime de plantão durante toda a paralisação do transporte coletivo, anunciada pelo Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Rodoviários de Sorocaba e Região. Formada por gerentes e diretores da Urbes, a equipe acompanha toda a movimentação nos terminais Santo Antônio e São Paulo, bem como as Áreas de Transferência e o todo o fluxo viário da cidade.

Foram designados também 98 agentes de trânsito que atuarão nas vias públicas garantindo a fluidez do trânsito na cidade nesse período, além de 40 viaturas que darão apoio ao trânsito e à fiscalização do transporte durante o período de paralisação. A central semafórica operará também em esquema diferenciado para dar fluidez às vias. Já os agentes que trabalham no CCO Trânsito (Centro de Controle Operacional) auxiliarão no monitoramento através das câmeras instaladas na cidade.

A Urbes disponibiliza à população o telefone 118, atendendo as demandas da área de trânsito e do transporte coletivo. 
Fonte: JC 

quinta-feira, 26 de julho de 2018

PREVIDÊNCIA SOCIAL/INSS: Consulta passa a ser feita só com hora marcada ou pela internet

Resultado de imagem para meu inssEm São Paulo, as agências do INSS prepararam um roteiro por escrito, que é entregue para auxiliar a navegação no site, por reconhecerem as dificuldades dos segurados. Em Brasília, a assessoria de imprensa diz que o sistema está em constante aperfeiçoamento.

Um dos objetivos das restrições às consultas é reduzir tempo de espera nas agências física

A ideia é um avanço, se comparada à época em que era preciso ir de madrugada para uma fila para garantir o atendimento. Mas, na prática, o novo serviço ainda precisa ser aperfeiçoado para cumprir de fato a missão de facilitar a vida do segurado.
Dificuldades

Resultado de imagem para meu inss

Para começar, o portal “Meu INSS” não é simples de ser consultado. Para ter acesso ao CNIS e para a maioria de outros dados é preciso entrar no www.meu.inss.gov.br , ou pelo site do próprio INSS (www.inss.gov.br). 
CNIS
Uma das maiores demandas nos postos está relacionada com informações do CNIS. Trata-se de um documento de relevância para qualquer trabalhador que pretende um dia se aposentar pelo INSS. Ter acesso a ele com alguns cliques é ter controle sobre o que poderá ser sua fonte de renda no futuro. 
São os dados do CNIS que valem e serão considerados para a concessão de benefícios. Ou seja: é a partir dele que o INSS vai definir se o segurado tem direito ou não de se aposentar, qual o valor da aposentadoria e assim por diante. 
Esse cadastro traz o tempo de trabalho e de contribuição, inclusive quando o segurado recolheu como contribuinte individual e facultativo, datas de admissão e rescisão de contrato de trabalho, identificação do empregador, períodos em que trabalhou em determinada empresa, remuneração recebida e valores do recolhimento. É um histórico completo.
Por: Carlinhos Aniceto com informações INSS /MPS

terça-feira, 24 de julho de 2018

Audiência Pública: Mobilidade urbana para pessoas com deficiência é tema de debate no MPT-SP

Em evento, será exigido cumprimento de cota inclusive para os processos de licitação do transporte público municipal

 O Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP) realiza em 2 de agosto deste ano a audiência pública com o tema “A mobilidade urbana e a pessoa com deficiência”, aberta a entidades representativas da sociedade civil, instituições públicas e privadas e às demais pessoas interessadas.
Resultado de imagem para mobilidade urbanaSerão convocadas ao debate representantes do poder público municipal e dos trabalhadores com deficiência, além de empregadores e empresas de transporte coletivo. O objetivo é verificar o cumprimento da cota de pessoas com deficiência pelas empresas concessionárias do serviço de transporte público na cidade de São Paulo, além de exigir o cumprimento da cota também nos processos de licitação.
Outro ponto a ser levantado na audiência é a qualidade dos serviços públicos de transporte prestados à pessoa com deficiência, buscando identificar quais são os obstáculos e propondo soluções. O público presente poderá fazer colocações e tirar dúvidas.
As inscrições para a audiência são gratuitas e podem ser realizadas no endereço eletrônico http://servicos.prt2.mpt.mp.br/informe-se/eventos/
Consulte o edital oficial clicando aqui.
Quando: 2 de agosto de 2018
Horário: a partir de 13h30
Onde: Ministério Público do Trabalho em São Paulo. Rua Cubatão, 322 (próx. Estação Paraíso do metrô), São Paulo

Fonte: MPT-SP

sábado, 21 de julho de 2018

EMTU: Atenção cidades de Cotia e Itaquaquecetuba terão novas integrações tarifárias

Em breve, os moradores de Cotia e de Itaquaquecetuba poderão contar com uma nova integração tarifária em suas respectivas linhas.

Linha 422 Itapevi -Metrô Butantã - Foto Fábio Sá

Em Cotia, a integração será entre as linhas 256 - Cotia (Caucaia do Auto) x Cotia (Portão - Via Vargem Grande Paulista) - e 422 - Itapevi (Vila Nova Esperança)Metrô Butantã (São Paulo). A tarifa integrada custará R$6,95 e terão direito aqueles que pagarem com o Cartão BOM

Para tanto, basta desembarcar de umas das linhas em um ponto atendido por ambas (por exemplo, em frente ao Mercado Municipal ou ao Atacadão) e embarcar na outra. Na primeira linha, será descontado a tarifa dela, e na próxima apenas o complemento à tarifa integrada. O tempo máximo para usufruir do benefício será de três horas, assim como em outras linhas do sistema.

Em Itaquaquecetuba, a integração será entre as linhas 242 - Itaquaquecetuba (Jardim Pinheirinho) x São Paulo (Carrão) - e 405 - Suzano (Centro) x Itaquaquecetuba (Rancho Grande). O passageiro poderá utilizar as duas linhas pagando o valor total integrado de R$4,70, nos mesmos moldes da integração das linhas de Cotia, pagando a tarifa com o cartão BOM e desembarcando da primeira linha atendida por ambas (por exemplo, na Rodovia Alberto Hinoto), e embarcando na segunda dentro de três horas.

O benefício, além dos estudos realizados pela EMTU, vem após um pedido da Prefeitura de Itaquaquecetuba para criação de um atendimento entre os bairros Jardim Odete, Quinta da Boa Vista, Jardim São Paulo, Vila Celeste e Jardim Moraes às Estações Brás ou Carrão, da linha 3 - Vermelha do Metrô.

As datas de início da operação integrada serão divulgadas em breve.
>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>
Meus Comentários: 
A sugestão encaminhada para a EMTU , era a extensão da linha 421 Itapevi (Centro) / Vargem Grande Paulista(Centro),fosse até Caucaia do Alto (Centro) ou a criação de uma linha de Caucaia do Alto - Cotia até Itapevi Centro, favorecendo assim aqueles moradores que utilizam a linha 8- Diamante da CPTM. A EMTU por sua vez acatou parcialmente a sugestão e veio a criar integração entre as linhas 256 Cotia Caucaia do Alto com a linha 422 Itapevi - Metro Butantã, dando maior opção para aqueles passageiros. 

Fonte: Linhas Metropolitanas
 

quinta-feira, 19 de julho de 2018

COTIA: Passagem de ônibus municipais voltaram a R$ 4,35 nesta quinta

Durou poucos dias para os munícipes a sensação de pagar a passagem de ônibus municipais em Cotia mais barata. Desde o dia 1º de julho que uma decisão da Justiça obrigou a Prefeitura de Cotia e a Viação Raposo Tavares  a reduzir o preço das passagens de R$ 4,35 para R$ 3,95.
Por 18 dias os usuários das linhas municipais pagaram R$ 3,95, uma economia de 40 centavos por viagem e que para quem necessita usar os coletivos mais de uma vez por dia, acaba sendo uma boa economia no mês.
A Prefeitura prometeu recorrer e conseguiu decisão favorável a ela  e à Viação Raposo Tavares  nesta semana. A partir desta quinta-feira (19) as passagens voltam a custar R$ 4,35.
Vem mais briga na Justiça para a redução da passagem em Cotia.

Fonte: Internet